Caso de Sucesso

  • English

09 MAR 2018

Michel William é um artista que respira música. Os instrumentos são os seus melhores amigos e este moçambicano não se imagina a viver sem eles. Há cerca de 1 ano atrás, Michel tomou uma decisão crucial para o seu futuro: tornar este sonho realidade e gravar o seu primeiro álbum de originais.

Depois de analisar todas as opções, o crowdfunding foi aquela que lhe pareceu mais eficaz. A escolha foi totalmente acertada, uma vez que com 138 apoiantes e mais e 5 mil euros angariados, a campanha deste artista foi um tremendo sucesso.

Conversámos um pouco com ele para perceber as estratégias utilizadas por detrás da campanha, a utilização do Facebook como principal via de comunicação e a divulgação do crowdfunding nos concertos, contribuíram muito para o resultado final.

“O que funcionou melhor foi o Facebook porque seguimos as vossas recomendações da Academia PPL.

DIVULGAÇÃO DO PROJECTO

Houve uma grande preocupação de utilizar o máximo de canais possíveis. Tanto offline, os concertos e a participação em programas de televisão, como online, as redes sociais (Facebook, Instagram e WhatsApp) e o e-mail marketing (uso de Newsletters).

O Facebook foi o canal que adquiriu mais importância, por isso o objetivo foi potenciá-lo de acordo com as recomendações da Academia PPL e mandar mensagens directas aos apoiantes e potenciais apoiantes nos vários momentos da campanha (inicio, meio e final).

A vertente offline também angariou vários apoiantes, uma vez que o Michel utilizou os seus concertos para promover o projecto no meio da audiência, o que se veio a revelar um tiro certeiro.

Há ainda a salientar um outro ponto muito importante, todos os amigos, conhecidos e familiares do artista, que foram responsáveis por grande parte do financiamento.

PRINCIPAIS DESAFIOS E SURPRESAS

O grande desafio foi sincronizar o ritmo dos concertos com todas as questões diárias da campanha, responsáveis por mantê-la viva, como a pronta resposta aos contactos de apoiantes, ou o constante envio de mensagens. A relação com as TV’s foi uma moeda de duas caras, pois se por um lado não deram atenção nenhuma ao projecto durante grande parte da campanha, no final (quando o sucesso já tinha subido vários níveis) decidiram focar a atenção no Michel.

O que nunca falhou foi a adesão de pessoas ao projecto durante os concertos, demonstrado que o contacto pessoal é insubstituívele um grande factor de sucesso.

A IMPORTÂNCIA DO VÍDEO E DAS RECOMPENSAS

Como o Michel ainda é um artista desconhecido do grande público, o vídeo foi muito importante para quebrar esta barreira da novidade e ajudar a levar a sua música por novos caminhos. O Facebook e o WhatsApp foram os principais divulgadores de todo o seu conteúdo visual.

As recompensas basearam-se na pré-venda do álbum, porém, houve uma tentativa de ir mais longe e dar aos apoiantes a possibilidade de obterem experiências únicas, como a ida ao backstage de um concerto.

ANÁLISE A TODO O PROCESSO DE CRIAÇÃO E OPERACIONALIZAÇÃO DA CAMPANHA

Foi muito importante seguir nossos conselhos e estudar campanhas anteriores que tiveram sucesso, desta forma o artista percebeu que a última semana e as últimas horas do projecto têm uma importância extrema.

O Michel optou por fazer um workshop de crowdfunding antes de iniciar o projecto, o que lhe deu um conhecimento de bastidores muito maior do que se iniciasse esta aventura sem nenhuma experiência com o conceito.

escolha da data da campanha era algo que o cantor teria alterado, pois o mês de Agosto é bastante menos dinâmico que outras épocas do ano.

Foi com muita satisfação que vimos este artista internacional de extremo potencial alcançar o sucesso com a sua campanha. Agora é esperar pelos próximos álbuns e por assistirmos a salas de espectáculos cheias por todo o país.

Obrigado Michel William por mais um caso de sucesso estrondoso na PPL!

Fonte: https://ppl.com.pt/blog/por-detras-do-sucesso-de-mocambique-para-os-nossos-ouvidos